Conselho Regional de Farmácia

De Mato Grosso do Sul

CRF/MS encerra III Jornada Farmacêutica em Três Lagoas

Durante a palestra, Abrão enfatizou qual é o papel do Conselho, assim como os direitos e deveres dos farmacêuticos

O CRF/MS esteve presente na III Jornada Farmacêutica das Faculdades Integradas de Três Lagoas (AEMS), na última sexta-feira. O presidente do Conselho, Ronaldo Abrão, encerrou o evento com a palestra “Um mercado a espera do novo Farmacêutico”, para acadêmicos do curso.

Durante a palestra, Abrão enfatizou qual é o papel do Conselho, assim como os direitos e deveres dos farmacêuticos e esclareceu dúvidas dos estudantes quanto ao cenário da profissão em Mato Grosso do Sul.

Para atuar como farmacêutico, Ronaldo Abrão explicou o passo-a-passo que o recém-formado precisa seguir para estar inscrito no conselho regional. “Tudo o que vocês forem fazer na profissão, o CRF é o primeiro órgão a ser procurado para autorizar”, enfatizou.

Além da fiscalização, o CRF/MS funciona também como cartório, ao fazer identidade profissional do farmacêutico e fazer todas as autorizações documentais para o exercício da profissão.

Em relação à presença integral do profissional dentro das farmácias e drogarias, Abrão explicou que se faz necessário o cumprimento para que o farmacêutico tenha controle de questões básicas como origem, validade, acondicionamento e escrituração dos medicamentos. “E também orientar aos pacientes quanto ao uso racional dos medicamentos”, destacou.

Um dos pontos que Ronaldo destacou foi a grade curricular que forma o farmacêutico e como o profissional é classificado pela Organização Mundial de Saúde.

Para fechar a palestra, o presidente do CRF/MS convidou os acadêmicos para participarem do II Congresso Binacional, que será realizado em Ponta Porã, em agosto. Abrão ressaltou que é a oportunidade do contato com profissionais de renome de todo País, como o presidente do CFF, Walter Jorge Silva João, ex-presidente da Anvisa, Dirceu Raposo de Mello, presidente da Sociedade Brasileira de Análises Clínicas, Irineu Keiserman Grinberg, além de representantes da Feifar e demais entidades da categoria.